Gêmeos morrem afogados após um irmão tentar salvar o outro e a correnteza levar os dois

N. Ferreira 07/01/2021 Relatar Quero comentar

 Os irmãos gêmeos Diego e Diogo Lima, de 21 anos, morreram afogados na madrugada desta terça-feira na praia do Arpoador, na Zona Sul da cidade. De acordo com as primeiras informações, equipes do quartel de Copacabana foram acionadas para irem até o local por volta das 22h20. Os jovens foram socorridos ao Hospital Municipal Miguel Couto com parada respiratória e não resistiram. 

Nas redes sociais, amigos das vítimas, que eram flamenguistas, pediram para que o time Rubro-Negro fizessem uma homenagem aos dois no próximo jogo, que acontece nesta quarta-feira, no Maracanã.

Ainda não há informações sobre a data e o local de enterro de Diogo e Diego. 

Nas redes sociais, os irmãos aparecem em diversas fotos, sempre sorridentes. Em grande parte delas, estão abraçados e vestindo o uniforme do Flamengo, o clube do coração. Em mensagens de amigos, eles são descritos como jovens alegres, educados e trabalhadores. Os irmãos, que moravam em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, compartilhavam amor pelo futebol, e atuavam como goleiros nas peladas do bairro.  

Os dois estavam na faculdade, e cursavam Direito e Pedagogia. 

"Quem teve o prazer de conhecer vcs, hoje, com toda certeza, chora. Jóias raras vcs foram na terra, hoje são estrelas lindas nesse céu, descansem em paz meninos de ouro", comentou um amigo nas redes sociais.

"Vocês construiram um imenso carinho por vocês aqui na terra... vocês eram simplesmente vocês, da alma pura e do coração bom", escreveu outro internauta, amigos dos irmãos. 

Comentário do usuário