Idosa morre carbonizada em Minas Gerais, após a casa dela ser consumida por um incêndio

Matérias Top 06/01/2021 Relatar Quero comentar

Na cidade de Unaí, Minas Gerais, uma idosa morreu carbonizada após o barracão em que morava ser destruído pelo fogo. Adélia Severina Fonseca tinha 95 anos e morava aos fundos de uma residência.

A morte da idosa repercutiu na cidade que fica ao noroeste de Minas. O Corpo de Bombeiros informou que ontem, por volta das 16h30, recebeu um chamado informando sobre o fogo que atingiu um barracão localizado à rua Canabrava.

Assim que os bombeiros chegaram ao local começaram a combater as chamas, contando com a ajuda de alguns vizinhos, pois todos temiam que o fogo se espalhasse para as casas vizinhas, o que felizmente não aconteceu graças ao empenho de todos.

Os moradores estavam usando baldes e também uma mangueira de jardim, mas logo as guarnições tomaram frente no combate ao incêndio e rapidamente conseguiram extinguir as chamas e deram início ao rescaldo. O fogo destruiu o barracão que ficava aos fundos e destruiu até o telhado, já que era de madeira.

A senhora Adélia Severina Fonseca é natural de Carmo do Paranaíba e os bombeiros a encontraram já carbonizada próxima a duas camas que foram consumidas pelo fogo.

Os moradores da residência principal foram questionados se tinham o contato de algum parente ou amigo da vítima para que pudessem ser informados sobre o ocorrido. Os vizinhos disseram que começaram a combater o fogo tão logo viram a fumaça, mas infelizmente já era tarde demais.

Até o momento não se sabe o que teria causado o incêndio, mas a perícia da Polícia Civil foi acionada e investigará o caso para tentar descobrir o que deu início ao fogo.

Comentário do usuário